quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Isenta igualdade


Não gosto de política
Nisso eu não me meto
Quer ouvir, então eu falo:
O Haddad é igual a Bolsonaro.
Epa, alto lá, desça deste muro!
Isenção assim é algo obscuro
Comparar Bolsonaro com Haddad
Só pode ser um ato de maldade.
Um é Capitão, defende a tortura
O outro é professor, pela Educação
Um quer metralhar, duvida da lisura
De todo o processo, desta eleição.
Quer armar o povo contra a violência
Todo o Mundo enxerga esta diferença
Você insiste em dizer que o Haddad
Também é contra qualquer liberdade.
Venezuela e Cuba são tua referência
Para esta sábia pesudo-consciência.
Tentas esconder o lado mais obscuro
Desta tua posição, em cima do muro.
“Se nada prestar, depois nós tiramos”
Bradas em todos os lugares
Se ao poder eles chegarem
Teremos de esperar muitos anos.
Vejo que não sabes o que é um tirano
Que não respeita nenhum ser humano
Desce deste muro, vem para a realidade
Ainda há tempo de votar em Haddad!

Antigamente #foratemer, hojemente #temergolpista!

Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Complexa alteridade


Por mais complexo que pareça
É preciso se dizer
O PT alimenta Bolsonaro
E Bolsonaro alimenta o PT.
Um não vive sem o outro
Nesta metáfora freudiana
Se uma na ponta é escroto
Na outra, o outro finge que ama.
Um soube se agigantar
Com petrolão e mensalão
O outro finge que amar
Reconstrói nossa nação.
Na real o que acontece
É ódio mortal dos dois lados
E o brasileiro no meio
Todos somos enganados.
Um louva o general Ustra
E a todos nós assusta
Nesta polarização
Perdemos outra opção.
Jogamos a moeda pra cima
De um lado está Haddad
Do outro um campo que mina
E nos oferece maldade.
Criaram esta sinuca
Deixaram-nos só bico
Nesta ciranda maluca
Diga ao povo que fico.
Fico com o PT
Por não flertar com o nazismo
Mas, não condeno você
Que fechou com o fascismo.
Nesta complexa alteridade
Tens ódio pelo Haddad
Meu ódio, porém, é pior
Pelo Estado-Maior.
Pregas que sou comunista
Esquerdopata, debiloide
Um palmo adiante da vista
É o Brasil que se explode.

Antigamente #foratemer, hojemente #temergolpista!

Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.