segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Em Teixeira não é feriado

Há um velho ditado popular que prega: em casa de ferreiro, o espeto é de pau. Pois não é que confirmei isto hoje, na prática. Foi com espanto que acordei e vi, na TV, o anúncio do “feriado nacional” do Dia da Consciência Negra. Pois bem, em Teixeira de Freitas, no extremo Sul da Bahia, não é feriado. Questionei várias pessoas e nenhuma explicação para o fato de as pessoas nem ligarem para o fato. Demonstrei o meu espanto e o farei o dia inteiro. É algo que não consigo entender: o Brasil inteiro discute e luta pelos direitos das minorias, especificamente no caso, dos negros, e, aqui, na Bahia, há um lugar (nem sei se é o único) que a cidade virou as costas para a data.

Antigamente #foratemer, hojemente #temergolpista!


-->
Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.

domingo, 19 de novembro de 2017

Quando, Jesus, parece, se atrasou

Ou o pastor tinha prestígio zero com Jesus Cristo ou até tentou, mas, se atrasou. Esta foi a conclusão que tirei ontem, aqui, no centro de Teixeira de Freitas, extremo Sul da Bahia, quando tentava dormir. Local: Praça da Bíblia. Deve ser por isso que o pastor de algumas destas igrejas que nem sei o nome (e nem procurei saber) escolheu para montar um palco e “fazer um show”. Antes, ele pregava, aos berros, amplificado por dezenas de caixas de som: “Jesus está chegando; Jesus está chegando”. Começou por volta das 19h. Deu 22h e nada de Jesus chegar. E ele berrava mais forte que Jesus estava chegando para “dar cabo” àqueles que querem destruir a família no “Congresso Nacional”, “esta turma LGBT” e por aí vai. E eu no meu canto: ”Oh, pai; porque me abandonaste?!” E nada de alguém calar os berros do pastor. Ainda tive tempo de pensar: “Eu só queria ver se Jesus aparecesse na agora na frente deste cara, com aqueles cabelões, piercing, brincos e de braços dados com um parceiro... Era cruz na certa, de novo”. Berros, axés e timbaladas encherem nossos ouvidos chamando por Jesus. A música e os berros se foram e eu ainda não sei Jesus chegou para o cara.

Antigamente #foratemer, hojemente #temergolpista!


Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.

sábado, 18 de novembro de 2017

A reforma contra os privilégios

Ontem, neste mesmo espaço, postei “Temer zomba da inteligência do povo”. Nem bem chega a noite e vejo, na TV, uma “propaganda institucional” do governo golpista do presidente Michel Temer (PMDB) a defender, com veemência, que “a reforma da previdência é contra os privilégios”. Parei na frente da TV, lembrei-me da postagem que já tinha feito e decidi voltar ao tema da zombaria: só pode ser uma vontade atávica de tirar sarro, de fazer escárnio com a população brasileira. Será que Temer, para dar o exemplo, abrirá mão da aposentadoria aos 55 anos? Ou cortará os privilégios de deputados, senadores e membros do judiciário? “E nós aqui na praça dando milho aos pombos...”!!!

Antigamente #foratemer, hojemente #temergolpista!


Visite também o Blog de Educação do professor Gilson Monteiro e o Blog Gilson Monteiro Em Toques. Ou encontre-me no www.linkedin.com e no www.facebook.com/GilsonMonteiro.